Mapeando a produção

Objetivo

  • Alcançar a igualdade de gênero dentro das redações
  • Mostrar o poder de ações voluntárias e individuais na redação para alcançar diversidade
  • Visualizar a diversidade do ambiente e como diminuir as desigualdades

Referência

Desde janeiro de 2017 a BBC realiza o movimento 50:50 visa alcançar a igualdade de gênero dentro da programação, colaboradores e criação de conteúdos da marca. Após 12 meses de projeto, 74% das redações que adotaram o programa alcançaram a faixa de 50:50 de gênero.

Nessa dinâmica convidamos as redações e espaços dedicados a criação de conteúdo para que avaliem e mapeiem a diversidade dentro do local de trabalho. Indo além do gênero, esperamos que a reflexão também se propague para uma análise relacionada a origens e etnias dentro do time. 

Resultados

  • Mapeamento e identificação de profissionais acordo com suas origens e etnia
  • Maior entendimento do RH e gestores a respeito do time
  • Aumento de redações com profissionais de diferentes perfis e gêneros
  • Crescimento da visibilidade desses profissionais
  • Maior diálogo com o RH, resultando em uma equipe mais diversa
  • Fortalecimento da percepção da diversidade na criação dos conteúdos

Como Medir:

> A cada semestre, mensurar o número de pautas e entrevistados de cada gênero dentro de cada matéria. Por exemplo, antes a BBC entrevistava mais especialistas homens do que mulheres.

> Acompanhar o comentário da audiência e aproximação do público

> Parcerias feitas antes e após o programa por meio da evolução de diversidade dentro do time

Passo a passo 

Dê o poder de escolha. Faça uma reunião geral de equipe convocando todos os profissionais da empresa. Apresente o projeto e mostre o quão simples é a implementação da ideia. Deixe claro o objetivo desse projeto. O monitoramento para alcançar a meta de 50% é aceito de forma voluntária pelas equipes dentro da empresa. 

Invista. Caso não consiga investir em nenhuma ferramenta ou pesquisa, tenha em mente que não há nenhum custo para a empresa implementar tal ação. A organização das informações pode ser feita em uma planilha no Excell ou Google Sheets, por exemplo. 

Colete dados. Cada time monitora o próprio conteúdo criado pela editoria (analisando quais pautas abrangem mais o público masculino, incluindo desde o foco da matéria em sí até o público entrevistado) diariamente. Os dados são coletados à medida que o conteúdo é produzido com o objetivo de aumentar o engajamento e a motivação da equipe envolvida, para que assim o resultado seja discutido diariamente na reunião de pauta. Os times compartilham dados mensais com o restante da empresa em um espírito de competição e colaboração. Os dados podem ser inseridos em uma planilha similar a essa.

Considere apenas o que é possível controlar. São medidas apenas ações que se podem controlar como, por exemplo, a escolha de um especialista a falar em determinada pauta. Não se mensuram notícias que envolvam figuras masculinas no protagonismo da notícia, como a renúncia de um ministro ou o ataque de um homem armado, por exemplo. Entende-se que sem essas pessoas, não é possível narrar do fato do cotidiano. 

Não comprometa a qualidade. Quando o profissional se destaca para uma posição na empresa ele sempre é chamado, independente do gênero ou do impacto da meta, de 50%. Ter uma editoria excelente deve ser a prioridade. O projeto em si tem como objetivo ajudar criadores de conteúdo de qualquer gênero serem descobertos e refletirem na identidade da audiência.

Links úteis:

http://downloads.bbc.co.uk/aboutthebbc/reports/reports/5050-may-2019.pdf

http://www.bbc.com/corporate2/mediacentre/latestnews/2019/5050-project-results

https://www.niemanlab.org/2019/05/the-bbcs-5050-project-shows-equal-gender-representation-in-news-coverage-is-achievable-even-in-traditionally-male-areas/

https://docs.google.com/spreadsheets/d/1skGW1RTnvisv8TGZnAVvrZ1wDohzGbPDQzTXgiu7lcM/edit#gid=1371725490

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *