Estratégias para inserir o equilíbrio emocional na cultura da redação

Tempo de leitura: 4 minutos
Objetivos

. Ampliar percepção de valor da equipe sobre o equilíbrio emocional

. Ofertar estratégias de apoio ao cuidado emocional por meio da gestão

. Desenvolver um ambiente de trabalho mais saudável

Referência

Mesmo não sendo especialistas em equilíbrio, Tiff Fehr e Alyson Hurt, respectivamente editores do New York Times e NPR, levantaram uma discussão sobre combate ao esgotamento mental e sobrevivência saudável no mundo das notícias. Os dois formularam um documento no Google, onde colegas começaram a fazer anotações com dicas. Lá, reuniram os comentários e formularam sugestões sobre saúde mental para os jornalistas.  

Os dois criaram uma pesquisa no qual pediam, entre outras questões, para os participantes avaliarem a satisfação no trabalho em uma escala de 1 a 5. A experiência mostrou a eles que, em um ambiente de produção de notícias, o esgotamento pode afetar não só a qualidade da produção, mas a vida pessoal e os relacionamentos do profissional, contribuindo para o adoecimento mental a longo prazo. 

Resultados

. Identificação de formas de romper o ciclo de esgotamento

. Incluir o cuidado emocional na cultura da redação

. Reconhecer o valor do equilíbrio na gestão

. Aumento de produtividade e alinhamento de expectativas da equipe

Como medir

. Feedbacks da equipe

. Introdução do cuidado na cultura da equipe

. Casos de identificação precoce de sinais de esgotamento

. Quantidade de processos documentados e compartilhados entre a equipe

Passo a passo

Compartilhe conhecimento.

Não é bom ser a única pessoa da organização que sabe como fazer o que você faz. Se você adoecer, com que facilidade a sua equipe ou organização poderá lidar com suas atividades? Quanto conhecimento e habilidade institucional seria perdido? Isso pode ser revisto a partir de algumas estratégias:

  1. Identifique uma pessoa de apoio para as principais tarefas/funções 
  2. Documente processos importantes
  3. Identifique formas de otimizar, padronizar e automatizar processos necessários

Evite o comportamento de “mártir”. 

Assumir funções demais por um senso de obrigação, propriedade ou desconfiança, a longo prazo é insustentável e pode levar à exaustão. Você pode não ser capaz de lidar com todas as demandas que identifica sem mudanças maiores na organização.

Sanidade – ou pelo menos clareza

Ainda que o resto de sua redação seja um caos contido, sua equipe pode estabelecer uma forma mais organizada de atuação. A incerteza e a falta de controle contribuem para o esgotamento. Onde você puder, defina como sua equipe realiza determinados tipos de trabalho. Estabeleça expectativas claras sobre os papéis e o resultado final. Mesmo que você nem sempre possa controlar como a redação maior funciona, você pode tentar afetar o seu espaço dela – e talvez com o tempo isso terá uma influência mais ampla.

Cuidem uns dos outros

Torne o “equilíbrio” uma prioridade da equipe. Se alguém está esgotado, isso diminui a moral e a produtividade. Se essa pessoa sair, uma substituição levará tempo e energia. Além disso, considere que é difícil ver outra pessoa sofrendo. Valorizar o equilíbrio na equipe significa criar mecanismos para enfrentar o esgotamento e que a equipe se torne um espaço compartilhado para lamentar e resolver os problemas, em vez de um grupo de pessoas enfrentando o estresse isoladamente.

Como fazer isso:

  1. Incentive os colegas de equipe a falar quando as coisas estiverem mal e preste atenção aos sinais
  2. Estabeleça expectativas sobre a comunicação após o expediente. Considere configurar um rodízio “de plantão” para depois do expediente, para que uma pessoa designada possa responder a questões de última hora.
  3. Fique doente em casa – não infecte o resto da equipe. Ou tire um dia de folga e descanse em vez de trabalhar em casa.
  4. Aproveite as reuniões para negociar os prazos
  5. Certifique-se de que os membros da equipe façam pausas regulares ou tirem férias

Defenda seu tempo pessoal

Desenvolva hábitos para limitar o excesso de compromissos, como dizer “não” com mais frequência ou reorganizar tarefas e prazos. Reconheça a pressão interna para trabalhar mais ou mais, e seja gentil consigo mesmo.

Não se desculpe por cuidar de si mesmo

Agende as consultas com o médico e o dentista. Faça o que você precisa fazer (enquanto ainda cumpre suas obrigações de trabalho). Se possível, tente não perguntar. Em vez de “Tudo bem se eu sair às 15h amanhã para uma consulta médica?” diga apenas “Tenho que sair amanhã às 15h para uma consulta médica”. Se for realmente um problema, seu gerente te dirá.

Defina as expectativas de como você pode ser encontrado fora do expediente

Defina os limites de como você interage com os canais de comunicação de trabalho (e-mail, etc.) nas horas de folga – e mantenha-se fiel a eles. Tente definir uma regra de que você não vai responder ao e-mail depois de um certo tempo, ou que, para assuntos urgentes, uma chamada telefônica é preferível a um e-mail. Ajuda se você e seus colegas de equipe estabelecerem expectativas semelhantes para incorporá-las à cultura da equipe. 

Busque interesses externos

Adote atividades extracurriculares que exercitem seu cérebro de maneira diferente do que você faz no trabalho. Esses esforços podem, eventualmente, retroalimentar seu trabalho de uma forma positiva – uma nova habilidade, uma nova fonte de inspiração, uma nova rede de contatos, uma nova perspectiva sobre um assunto.

Tire férias

Afastar-se do trabalho periodicamente fará de você uma pessoa e funcionário melhor, dando a perspectiva necessária e permitindo que você experimente novas experiências. Se você está em uma situação em que acha que não pode tirar férias, avalie o motivo. 

Estratégia de saída

Às vezes, sua equipe ou cultura organizacional são prejudiciais. Ou há uma incompatibilidade irreconciliável com suas próprias prioridades. Considere a saída antes que o esgotamento se estabeleça completamente.

Links

https://source.opennews.org/articles/surviving-news-business/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Skip to content